+55 (41) 3673-8350

Quem Somos

Associação San Julian - especializada no tratamento de dependentes químicos e portadores de transtornos mentais

LOGO1

Quem Somos

A Associação San Julian, Amigos e Colaboradores (Hospital San Julian) foi instituída em 03 de julho de 2.004, pessoa jurídica de direito privado, de cunho filantrópico, sem fins lucrativos, de caráter associativo. É uma Instituição especializada no tratamento de dependentes químicos e portadores de transtornos mentais nas fases mais críticas e agudas de suas doenças. Desempenha suas atividades integradas com o Sistema Único de Saúde (SUS), em consonância com os CAPS (Centro de Atenção Psicossocial), ambulatórios, comunidades terapêuticas e outros equipamentos da rede de saúde mental.

A Associação dispõe de uma equipe terapêutica multidisciplinar composta por médicos psiquiatras e clínicos, psicólogos, assistentes sociais, terapeutas ocupacionais, educadores físicos, farmacêuticas, musicoterapeuta, nutricionista, enfermeiros, instrutor de artes, técnico de segurança do trabalho, área jurídica, técnicos de enfermagem e equipe administrativa.

Atualmente são disponibilizados 390 leitos restritos ao sexo masculino, sendo estes distribuídos nas seguintes unidades: 100 leitos na Unidade Bion (transtorno mental); 260 leitos na Unidade Jellinek (dependência química adulta); e 30 leitos na Unidade Rached (dependência química adolescente).

Médicos

O corpo clínico do hospital conta com 8 médicos psiquiatras e 2 médicos clínicos. O atendimento médico é frequente e contínuo para a detecção de sinais e sintomas com a maior brevidade possível, proporcionando a recuperação mental e física num curto espaço de tempo. Os atendimentos se dão através de consultas individuais, atendimentos de grupo e também com apresentações de aulas e palestras.

Psicólogos

Os psicólogos do hospital trabalham os conflitos e sofrimentos dos pacientes através da terapêutica e reeducação. Cada paciente internado tem contato diário com seu psicólogo através de terapias de grupo, terapias individuais, dinâmicas e palestras. Assim, abre-se um espaço para a completa expressão das dores, necessidades, pensamentos e comportamentos, trazendo à luz a autopercepção e oportunizando as necessárias mudanças na forma de pensar, de sofrer, de buscar soluções, dos hábitos e dos comportamentos.

Assistência Social

Os assistentes sociais trabalham a reaproximação familiar e intervêm junto às dinâmicas e formações socioculturais e econômicas de cada paciente. O assistente social presta atendimento individual, em grupo, atendimentos às famílias, apresenta palestras e intermedia necessidades dos pacientes externas ao hospital.

Educação Física

Educação Física é a educação dos cuidados com a saúde física do corpo do bem estar de cada individuo, trata-se da reeducação pelo movimento, tendo por objetivos melhora da aptidão física relacionada à saúde e a melhora das estruturas psíquicas responsáveis pela transmissão e execução do controle do movimento, permitindo melhor comunicação do indivíduo entre o mundo interno e externo, com base numa maior disponibilidade corporal e recuperação das capacidades psicomotoras. A Educação Física na área hospitalar desenvolve suas atividades com olhar clinico, oferecendo uma programação terapêutica especifica que contribua e auxilie no tratamento do paciente. É caracterizada por sua ênfase como Educação Física Clinica, resgatando valores de qualidade de vida, contribuindo com a melhora da saúde física, desenvolvendo atividades que possam proporcionar ao paciente, fortalecimento do tônus muscular, melhora da flexibilidade, diminuição do stress, melhora do ciclo do sono, recuperação de autoestima, melhor aceitação ao tratamento por parte do paciente através das atividades sócias recreativas de cunho terapêutico respeitando as capacidades e limitações físicas de cada paciente.

Musicoterapia

A Musicoterapia é um processo sistemático de intervenção, em que o profissional musicoterapeuta utiliza técnicas específicas para promover mudanças nos estados físico, afetivo, cognitivo, sociocultural ou espiritual, seja de um indivíduo ou de um grupo.
A utilização da música como recurso terapêutico, possibilita a humanização do ambiente hospitalar no tratamento dos pacientes, tornando as limitações da doença mais amenas, além de trabalhar a estimulação da autonomia, a autoestima, bem como a possibilidade de ressignificar momentos de vida pela expressão musical.

Enfermagem

O corpo clínico de enfermeiros, técnicos e auxiliares de enfermagem compõem o maior grupo profissional do hospital, com o intuito de oferecer o máximo de cuidados e acolhimento físico e psíquico. O monitoramento ao paciente é constante, 24 horas ao dia, e conta ainda com enfermarias intensivas especializadas no tratamento das fases agudas das doenças, com a presença ininterrupta da equipe de enfermagem.

Nutrição

A Associação San Julian possui o serviço de Nutrição e Dietética, onde é realizado o planejamento, preparo, distribuição e supervisão das refeições, tendo como objetivo oferecer alimentos íntegros e adequados aos seus pacientes e funcionários, seus manipuladores de alimentos são treinados conforme o Manual de Boas Praticas para fabricação de alimentos. O Serviço de nutrição Clinica é responsável em prestar assistência nutricional especializada, por meio da avaliação subjetiva global, diagnóstico e definição do plano dietoterápico, tendo como objetivo recuperar e ou manter o estado nutricional de seus pacientes, orientações nutricionais e dietas especializadas.

Terapia Ocupacional

O hospital conta com uma equipe de terapeutas ocupacionais que promovem junto ao paciente a descoberta, o desenvolvimento e a restauração de suas habilidades individuais, para torná-los mais aptos para a reintegração no meio social e laboral. Os atendimentos são através de atendimentos de grupo, individuais, comissões de trabalho terapêutico e oficinas terapêuticas.

Farmácia

A Farmácia assegura informações de uso dos medicamentos a quem possa necessitar. Orienta, supervisiona, confere e/ou assina os balancetes e balanços de psicotrópicos. Orienta e supervisiona a estocagem e conservação de medicamentos. Assegura a dispensação correta dos medicamentos. Prepara material de estudo e ministra treinamento aos funcionários. Desenvolve e mantem atualizados os manuais de procedimentos operacionais padrões. Prepara e fraciona medicamentos. Garante o bom funcionamento de equipamentos bem como sua manutenção. Representa a chefia da área quando solicitado, conforme exigência do Conselho da categoria.

Associação San Julian Amigos e Colaboradores – Vídeo Institucional